Obtenha o melhor do conteúdo Chabad.org todas as semanas!
Encontre respostas para perguntas judaicas fascinantes, aproveite dicas e guias das festas, leia histórias da vida e muito mais!
ב"ה

Vaerá

Parashá Vaerá
“Deixe Meu povo ir!” - Mas Eles Podem Se Deixar Ir?

Antes que o faraó possa libertar os escravos judeus, ele deve estar pronto a se tornar livre. Você pode tirar um homem da escravidão, mas isso pode ser mais difícil tirar a escravidão de dentro de um homem. Externamente, você pode estar livre; internamente você pode ainda estar escravizado.
Israel
Hebron, Sempre e Para a Eternidade

Quarenta anos atrás fui convidado a participar de uma viagem a Israel que transformou minha vida. Ironicamente, foi patrocinada pelo Comitê Judaico Americano, que fora certa vez resoluto em sua oposição a um estado judaico.
Mensagem Parashá
Uma Busca Longa Demais

Nossa vida contém uma fusão dos dois: o paradigma dominante é de ordem natural. Porém, de vez em quando, nos é concedida uma apreciação da Divindade que transcende a natureza e nos inspira ao serviço mais e mais engajado.
Personalidades
Beruriá
Beruriá foi a mais destacada figura feminina de todo o período talmúdico. Única mulher reconhecida pelo Talmud como erudita na Torá, era filha de Rabi Hananiá Ben Teradion, um dos maiores sábios de seu tempo e um dos "Dez Mártires" mencionados nas orações de Yom Kipur.
Parashá Vaerá
Percepção e Poder
Isto significa que cada pessoa é fundamental. Sua percepção sobre a vida pode ser um fator essencial não somente para seu próprio bem-estar, mas para o mundo como um todo. Nossa percepção sobre a vida é, de fato, um tema chave em nossa Parashá, que fala sobre as pragas que D’us enviou ao Egito.
Identidade Judaica
Não Tenha Medo

O medo mais daninho é o medo mental. Essa falsidade lança um delírio sobre os membros mais sensíveis e belos da raça humana, pessoas que são uma bandeira, que atuam como luminárias que iluminarão os caminhos da vida para todos.
Você ouve o que eles dizem na academia celestial? Que amar o seu próximo judeu significa amar os completamente maus, assim como você ama os completamente justos.
— Rabino DovBer, o Maguid de Mezeritch
Imprimir revista