Pergunta:
Por que apenas os homens determinam o sexo, isto é, carregam consigo ambos os cromossomos X e Y, e as mulheres não? Se fosse viável, numa hipótese insólita, mulheres apenas gerariam mulheres, ao passo que homens poderiam gerar a ambos os sexos. Por que?

Resposta:
Pensando sobre sua dúvida, e lendo o texto em Bereshit onde a Torá descreve a criação do primeiro ser humano, Adam (Adão), percebemos que ele foi criado sozinho (diferente de outras criaturas que foram criadas em pares). E a Torá descreve o ser humano como tendo sido originalmente criado como um ser "com dois lados": "Macho e fêmea Ele os criou... e Ele chamou o nome deles: homem." D'us então dividiu esta criatura com dois lados em duas, formando assim a Chavá (Eva).

Vejamos então que desde o início, o homem já tinha o potencial feminino embutido nele.

Conforme os ensinamentos da Chassidut o aspecto masculino é caracteristicamente transmissor e o feminino receptor. Ou seja, a influência do masculino dá-se naquilo que é transmitido e a do feminino na forma como recebe.

O sucesso na fecundação de um óvulo por um espermatozóide com os cromossomos X ou Y depende em grande parte do grau de acidez do ventre materno que o acolhe. Portanto, assim como os cromossomos X ou Y transmitidos ajudam a determinar o sexo (participação masculina), o ambiente receptor e seu grau de acidez (participação feminina) desempenham papel não menos relevante na determinação do sexo da futura criança.