1. Nissan é na Primavera

Nissan é um dos poucos meses mencionados pelo nome na Torá. D'us se refere a ele como Chodesh HaAviv, 1 o mês da primavera. Garantir que Nissan permaneça na primavera forma a espinha dorsal de todo o intrincado calendário judaico, incluindo o ano bissexto.

2. É o Primeiro Mês do Calendário Judaico

“Este mês será para vocês o primeiro dos meses”, 2 D'us disse a Moshê. Curiosamente, é uma das quatro “cabeças do ano” listadas no Talmud3 uma das quais é 1º de Tishrei, conhecida universalmente como Rosh Hashaná, a cabeça do ano.

3. D’us nos Tirou do Egito em Nissan

Após 210 anos de sofrimento no exílio, D'us tirou Sua nação do Egito. Isso aconteceu no mês de Nissan. “Ele tira os prisioneiros no momento mais oportuno”, 4 diz o Rei David. De acordo com o Midrash, Moshê disse ao povo: “Vejam a benignidade que Ele concedeu a vocês, que os tirou em um mês em que é adequado sair, quando não há calor, nem frio, nem chuva.” 5

4. Pêssach Inicia dia 15 de Nissan

Pêssach, que ocorre anuamente no aniversário de nosso Êxodo do Egito e início de nossa liberdade, começa no dia 15 de Nissan. Provavelmente a festa judaica mais amplamente celebrada, Pêssach é observada comendo matsá e marir (ervas amargas) e bebendo quatro copos de vinho durante uma refeição especial chamada Seder [na diáspora em duas noites e em Israel em uma], onde narramos a história emocionante de nosso Êxodo milagroso através da Hagadá.

5. É também um Nome

Nissan é um de dois únicos meses judaicos cujos nomes também recebem nomes. Nissan é um nome bastante comum para meninos, e Aviv e Aviva são nomes respectivamente masculino e feminino usados no hebraico moderno. O outro mês que é um nome é Sivan, dado para meninas em Israel.

Um fato curioso: Pessach (Páscoa judaica) é a única festa judaica que também é dada para nome masculino.

6. É um Mês Milagroso

A palavra nes significa “milagre,” fazendo de Nissan um mês de milagres. O Lubavitcher Rebe, Rabino Menachem Mendel Schneerson, de abençoada memória, dizia que ver “Nissan” em um sonho pressagia “milagres de milagres” no futuro.6

7. O Dia da Educação e Compartilhamento é em Nissan

Presidente Barack Obama apresenta uma cópia cerimonial do “Dia da Educação e Compartilhamento, EUA”, proclamação que ele emitiu em 31 de março de 2015 a uma delegação de emissários Chabad-Lubavitch e educadores de todo o país. (Foto Oficial da Casa Branca: Pete Souza)
Presidente Barack Obama apresenta uma cópia cerimonial do “Dia da Educação e Compartilhamento, EUA”, proclamação que ele emitiu em 31 de março de 2015 a uma delegação de emissários Chabad-Lubavitch e educadores de todo o país. (Foto Oficial da Casa Branca: Pete Souza)

Para enfatizar o papel vital da educação na sociedade, os Estados Unidos marcam anualmente o “Dia da Educação e Compartilhamento nos EUA”. Estabelecido em 1978 por uma resolução conjunta do Congresso, foi programado para coincidir com 11 de Nissan, dia do aniversário do Rebe em 1902.

8. Há uma Bênção que Pronunciamos sobre Árvores Frutíferas

Se alguém vir uma árvore frutífera brotando durante o mês de Nissan, há uma bênção especial a ser recitada: “Bendito és Tu ... Que nada fez faltar em Seu mundo e nele criou belas criaturas e belas árvores para dar prazer à humanidade.”

Muitas pessoas visitam jardins botânicos durante esta época, a fim de aproveitar a oportunidade de cumprir esta bela mitsvá.

9. O Dia 1º de Nissan Recebeu 10 Coroas

Os sábios dizem que o 1º dia de Nissan daquele ano “levou 10 coroas”: era (1) o primeiro dia da semana; (2) o primeiro dia em que os príncipes trouxeram suas ofertas; (3) o primeiro dia em que o sacerdócio Aarônico foi colocado em vigor; (4) o primeiro dia dos sacrifícios no Templo; (5) a primeira vez que um fogo desceu do céu sobre o altar; (6) a primeira vez que alimentos sagrados foram comidos no Tabernáculo; (7) a primeira vez que a Presença Divina repousou entre as pessoas; (8) o primeiro dia em que os cohanim conferiram a bênção sacerdotal; (9) a primeira vez que foi proibido sacrificar a D'us em altares for a do Templo Sagrado de Jerusalém; e finalmente (10) era o primeiro mês do novo ano.7

10. Os príncipes trouxeram sacrifícios por 12 dias

Quase um ano após o Êxodo, o Tabernáculo - o santuário itinerante que o povo construiu para D'us - foi inaugurado a tempo para o dia 1º de Nissan. Em cada um dos primeiros 12 dias do mês, cada um dos 12 príncipes de Israel trouxe ofertas de inauguração. Agora, em cada um desses dias, lemos uma prece especial de Yehi Ratson junto com a porção da Torá detalhando os presentes trazidos naquele dia.

11. Não Falamos Tachanum o Mês Todo

Como os primeiros 12 dias do mês de Nissan comemoram as ofertas alegres dos príncipes, não falamos Tachanun (confissão de pecados) e orações similares. Nem pronunciamos elas durante toda a Festa de Pêssach. Como a maior parte do mês ficamos sem falar Tachanun, não o dizemos no resto do mês, mesmo após Pêssach.

12. Nissan Tem 30 Dias

No calendário hebraico atual (fixo), Nissan tem 30 dias, e o mês seguinte, Iyar, possui 29. Os meses continuam a se alternar até chegarmos a Cheshvan e Kislev, que podem ter cada um 29 ou 30 dias, dependendo do ano. Curiosamente, o Talmud questiona se Nissan, o mês do Êxodo, durou 29 ou 30 dias, o que abriria a possibilidade de que a entrega da Torá (que foi 50 dias após o Êxodo) foi em um dia diferente do que é atualmente observado na Festa de Shavuot.