A ameaça do coronavírus está enviando mais pessoas para a quarentena todos os dias, e a maioria, principalmente os idosos, está se sentindo com medo e impotente. Um princípio fundamental do judaísmo é a importância de Chessed, bondade, mesmo agora, há muitas coisas que podemos fazer com segurança para ajudar os outros. Além disso, enquanto ajudamos os outros, também nos mantemos ocupados com pensamentos e ações positivas que nos distraem da corrente geral de negatividade e medo, substituindo-a por bondade, gentileza e gratidão - algo que todos precisamos neste momento!

1. Mantenha Contato

Em nenhum momento antes na história foi tão simples de se manter conectado com as pessoas em tempo real. Quer você esteja usando o Skype, tweetando, usando o WhatsApp, o FaceTime ou o Google Hangouts ou apenas conversando ao telefone, você pode compartilhar notícias, oferecer incentivos e dar aos outros a sensação de que não estão sozinhos e que você está pensando neles.

2. Ofereça-se para Levar Mantimentos ou executar Tarefas

Ficar trancado por duas semanas torna difícil cuidar das tarefas diárias, incumbências e compromissos. Ofereça-se para levar para suas casas coisas necessárias ou que a distraiam neste período de isolamento como compras, tarefas do escritório, quebra-cabeças, Sudoku, livros inspiradores ou material de leitura, deixar ou pegar pacotes nos correios ou qualquer outra coisa que eles possam precisar - e deixá-los do lado de fora de suas portas.

3. Reze

As preces têm poder de cura. Recite alguns Salmos para a pessoa ou faça uma oração sincera com suas próprias palavras. Foi até documentado clinicamente que, quando as pessoas sabem que estão sendo incluídas em nossas preces, isso lhes dá forças para curar mais rapidamente. Você também pode organizar grupos para dividir o Livro dos Salmos com várias pessoas, cada uma em sua própria casa.

4. Envie um Cartão Virtual

Envie a seu conhecido em quarentena um cartão bem humorado de melhoras. Você também pode enviar piadas engraçadas, ideias curtas, histórias interessantes ou vídeos inspiradores.

5. Compartilhe no celular

Compartilhe uma aula interessante de Torá que você tenha assistido sobre a parashá, lições do Tanya ou outros estudos interessantes pelo celular. Aprender é uma ótima maneira de fazer alguém se sentir produtivo em casa e injetar uma dose curativa de espiritualidade.

6. Leve Uma Canja ou Outro Mimo Culinário

Faça um bolo, traga uma refeição caseira ou uma canja que você sabe que a pessoa iria apreciar. Deixe do lado de fora da porta, ligue para ela avisando.

7. Transmita ao Vivo O o Que Estiverem “Perdendo”

Se você estiver participando de uma festa - um casamento ou bar mitsvá - transmita ao vivo para a pessoa em quarentena se sentir parte da celebração ou até que possa conversar ao vivo com os anfitriões para desejar "Mazal Tov!"

8. Peça Conselhos

Ajudar alguém a sentir que ainda é necessário, mesmo quando precisa de ajuda, é um presente maravilhoso. Ligue para pedir conselhos sobre um problema que você está tendo.

9. Ajude a Renovar Pensamentos Positivos

Ajude-os a reformular e focar nos aspectos positivos de estar em quarentena. Podem decançar, ter mais tempo para se dedicar a projetos que estão negligenciando. Passar mais tempo com os membros da família que estão em quarentena junto com eles. Além disso, toda a ideia da quarentena é tentar manter o maior número possível de pessoas saudáveis, de modo que quem é submetido a esse hiato da vida normal está ajudando a manter os outros saudáveis e não há mitsvá maior.

10. Incentive a Fé

Preocupação e sentimentos de desamparo são contraproducentes, às vezes mais debilitantes do que a própria doença. Qual é a chave para a recuperação?

Uma perspectiva positiva e confiança em D’us. Ajude a pessoa em quarentena a acreditar que D'us está no comando e sabe o que Ele está fazendo, e mesmo que não o compreendamos, isso faz parte do plano Divino. Ajude-os a fortalecer sua fé em D'us, que é a Fonte de toda bondade. Ele nos ama muito mais do que podemos imaginar.

Desejando a todos boa saúde e boas notícias e cura a todos que se encontram em quarentena!