Enter your email address to get our weekly email with fresh, exciting and thoughtful content that will enrich your inbox and your life.
Para visualizar horários do Shabat clique aqui para selecionar sua localização

Shabat, 6 Junho, 2020

Horas haláchicas (Zemanim)
Para visualizar horários haláchicos Clique aqui para configurar a sua localização
História Judaica

Em 1509, o Imperador Maximiliano da Alemanha ordenou que todos os livros judaicos nas cidades de Colônia e Frankfurt sobre o Main fossem destruídos. Isso foi feito a pedido de Pfefferkorn, um judeu batizado, que alegava que a literatura judaica era ofensiva ao Cristianismo. Os judeus pediram ao Imperador que reconsiderasse este edito, e Maximiliano concordou em investigar o assunto. Ele designou Johann Reuchlin, um famoso erudito alemão, para conduzir a investigação. O relatório entregue por Reuchlin foi muito positivo. Ele demonstrou que os livros insultando abertamente o Cristianismo eram muito poucos, e considerados não importantes pelos próprios judeus. Os outros livros eram necessários para o culto judaico, e continham grande valor nas áreas de teologia e ciência.

O Imperador revogou seu edito em 14 de Sivan de 1510.

Leis e Costumes

É costume de muitas comunidades (e este é o costume Chabad) continuar o estudo semanal de um capítulo de Ética dos Pais (Avot), um capítulo a cada tarde de Shabat durante o verão, até o Shabat anterior a Rosh Hashaná (o primeiro ciclo de seis semanas é completado nos seis Shabatot entre Pêssach e Shavuot). Este Shabat, sendo o primeiro Shabat após Shavuot, estudamos o Capítulo Um.