Enter your email address to get our weekly email with fresh, exciting and thoughtful content that will enrich your inbox and your life.
Para visualizar os horários de Shabat clique aqui para configurar a sua localização

Segunda-feira, 16 Abril, 2018

Horas haláchicas (Zemanim)
Para visualizar horários haláchicos Clique aqui para configurar a sua localização
Rosh Chodesh Iyar
Ômer: 16º dia - Gevurah sheb'Tifferet
Hoje Conte 17
História Judaica

Cinquenta e três anos após a destruição do Primeiro Templo, Zerubabel e Yehoshua, o Sumo Sacerdote, começam a construção do Segundo Templo, com permissão do Rei Ciro da Pérsia.

A oferenda de sacrifícios tinha na verdade começado alguns meses antes, no terreno vazio onde ficava o Primeiro Templo; no entanto, foi somente depois que a construção teve início a 1º de Iyar que os levitas começaram a acompanhar o serviço com canções e música.

A construção mais tarde foi parada depois que os hostis samaritanos forneceram informações falsas e caluniosas a Ciro sobre as intenções judaicas. A construção foi retomada muitos anos depois, e completada após 21 anos sob o reinado do Rei Dario.

O mestre chassídico Rabi Menachem Mendel de Horodok (1730-1788), também conhecido como Rabi Menachem Mendel de Vitebsk, foi um dos principais discípulos do segundo líder do Movimento Chassídico, Rabi DovBer de Mezeritch. Com o falecimento deste, R. Menachem Mendel foi considerado por seus colegas como o líder da comunidade chassídica na Rússia, e Rabi Shneur Zalman de Liadi o considerava seu Rebe e mentor. Em 1777, R. Menachem Mendel liderou um grupo de 300 chassidim à Terra Santa, e fundou comunidades chassídicas em Safed e Tiberíades. Rabi Menachem Mendel faleceu a 2 de Iyar de 1788, e está enterrado em Tiberíades.

Leis e Costumes

Hoje é o segundo dos dois Rosh Chodesh (Cabeça do Mês) para o mês de Iyar (quando um mês tem 30 dias, o último dia do mês e o primeiro do mês seguinte servem como Rosh Chodesh do mês que se aproxima).

Porções especiais são acrescentadas às preces diárias: o Halel (Salmos 113-118) é recitado – em sua forma “parcial” – após a prece matinal Shacharit, e a prece Yaalê Veyavo é acrescentada à Amidá e Bircat hamazon, Prece de Agradecimento Após as Refeições; a prece adicional Mussaf é recitada (quando Rosh Chodesh é no Shabat, são feitas adições especiais ao Mussaf de Shabat). Tachanun (confissão dos pecados) e preces semelhantes são omitidas.

Muitos têm o costume de marcar Rosh Chodesh com uma refeição festiva e reduzida atividade de trabalho. Este costume prevalece entre as mulheres, que têm uma afinidade especial com Rosh Chodesh – o mês é o aspecto feminino do Calendário Judaico.

Amanhã é o 17º dia da Contagem do Ômer. Como no calendário judaico o dia começa ao anoitecer do dia anterior, contamos o Ômer para amanhã hoje à noite, após o anoitecer. "Hoje são 17 dias, que fazem duas semanas e 3 dias do Ômer." (Se você perder a contagem esta noite, pode contar o Ômer durante todo o dia de amanhã, mas sem a bênção precedente).

A Contagem de 49 dias do Ômer refaz a jornada espiritual de sete semanas dos nossos antepassados, do Êxodo ao Sinai. A cada noite recitamos uma bênção especial e contamos os dias e semanas que passaram desde o Ômer; o 50º dia é Shavuot, a festa que celebra a Outorga da Torá no Sinai.

Sefirá desta noite: Tiferet sheb’Tiferet – “Harmonia na Harmonia”

Os ensinamentos da Cabalá explicam que há sete "Atributos Divinos" – Sefirot – que D'us assume para Se relacionar com nossa existência: Chessed, Guevurá, Tiferet, Netzach, Hod, Yesod e Malchut (Amor, Força, Beleza, Vitória, Esplendor, Fundação e Soberania). No ser humano, criado à imagem de D'us, as sete sefirot estão espelhadas nos sete "atributos emocionais" da alma humana: Bondade, Restrição, Harmonia, Ambição, Humildade, Conexão e Receptividade. Cada um dos sete atributos contém elementos de todos os sete – i.e., "Bondade na Bondade", "Restrição na Bondade", "Harmonia na Bondade", etc. – perfazendo um total de quarenta e nove traços. A Contagem de 49 Dias do Ômer é, portanto, um processo de 49 etapas de auto-refinamento, com cada dia devotado à "retificação" e aperfeiçoamento de uma das 49 sefirot.