Obtenha o melhor do conteúdo Chabad.org todas as semanas!
Encontre respostas para perguntas judaicas fascinantes, aproveite dicas e guias das festas, leia histórias da vida e muito mais!
ב"ה
Para visualizar horários do Shabat clique aqui para selecionar sua localização

Shabat, 27 Março, 2021

Horas haláchicas (Zemanim)
Para visualizar horários haláchicos Clique aqui para configurar a sua localização
Shabat Hagadol
Erev Pêssach (véspera de Pêssach)
História Judaica

No Shabat anterior ao Êxodo – 10 de Nissan naquele ano – os primogênitos do Egito, que ocupavam as posições mais importantes no sacerdócio e no governo, lutaram uma batalha sangrenta com as tropas do faraó, num esforço para assegurar a libertação dos israelitas e impedir a Praga do Primogênito. Este grande milagre é comemorado todo ano no Shabat anterior a Pêssach, que portanto é chamado Shabat HaGadol, o Grande Shabat. (Este é um dos raros exemplos nos quais uma data comemorativa no Calendário Judaico é estabelecida pelo dia da semana, em vez de pelo dia do mês.)

Rabi Moshê ben Maimon, talmudista, halachista, médico, filósofo e líder comunitário, conhecido no mundo judaico pelo acrônimo “Rambam” e no mundo em geral como Maimônides, nasceu em Córdoba, na Espanha, a 14 de Nissan de 4895 (1135 EC).

Leis e Costumes

O Shabat anterior a Pêssach é chamado Shabat HaGadol, ("O Grande Shabat") em comemoração ao "grande milagre" que aconteceu no Egito neste dia, garantindo o Êxodo do Egito cinco dias depois (veja "Hoje na História Judaica"). Os costumes do Shabat HaGadol incluem ler uma porção da Hagadá (a partir de "Avadim hayinu" até "al kol avonotainu"), que narra a história do Êxodo. Outro costume nesta ocasião é que o rabino de cada comunidade faça uma palestra na qual mencione as leis de Pêssach e seu significado, em preparação para a Festa.

Quando o Templo Sagrado estava de pé em Jerusalém, a oferenda de Pêssach era levada na tarde de 14 de Nissan. Hoje isso é comemorado pela nossa recitação da “Ordem da Oferenda de Pêssach” esta tarde, pelo “osso” (zeroa) colocado na travessa do sêder esta noite, e pelo aficoman – uma porção de matsá comida em seu lugar ao final da refeição do Sêder.

A Festa de 8 dias de Pêssach – também chamada de "A Festa das Matsot" e "A Época da Nossa Liberdade" – começa hoje ao anoitecer. À noite, conduzimos um sêder (ordem) – um banquete ritual de 15 partes que abrange as observâncias da Festa de Pêssach: narrar aos nossos filhos a história do Êxodo como é descrita e explicada na Hagadá; comer a matsá (pão ázimo), as ervas amargas mergulhadas em charôsset, e o aficoman (uma porção adicional de matsá comida como "sobremesa" em comemoração à oferenda de Pêssach); beber os quatro copos de vinho; e diversos outros alimentos simbólicos e rituais comemorando nossa libertação da escravidão no Egito nesta noite.