Entre em contato
Mulher

Mulher

Mulher

 E-mail

O segredo das palavras da sabedoria de Shelomô HaMelech, Rei Salomão: "Uma mulher de valor é a coroa do seu marido." Assim como a coroa fica acima e além da cabeça. também a luz interior da feminilidade possui uma qualidade essencial, num local que a mente não pode atingir.

Por este motivo, somos ensinados que assim como a mulher precisa do homem para a concepção, também o homem precisa da mulher para a gravidez, o desenvolvimento. Esta não é meramente uma realidade física, mas também espiritual.
Para minha surpresa, eu soube que minha avó britânica nunca tinha ido a um micve antes de seu casamento, e jamais tinha visto um! Perguntei à atendente do micve se ela poderia nos dar um tour, e ela ficou contente em poder nos mostrar tudo por ali.
Esta é a grande tarefa e missão que D'us deu às mulheres judias – observar e disseminar a observância de Taharat Hamishpachá, e das outras instituições vitais da vida familiar judaica.
! Sentia-me desconfortável dentro de mim mesma. Lá fora estava escuro, aqui dentro havia o silêncio, e eu sentia a solidão me envolvendo.
A coleção de Benhaim é bem diferente do vestuário comum que se vê nas ruas de bairros religiosos, a maioria das peças utilizando o preto abundância, brancas ou azuis escuros ou tons monótonos.
Sua rotina pode ser transformada desde que você não tema o fracasso e acredite no sucesso. Agradeça, ao invés de se lamentar. Este é o catalisador do crescimento.
Todo nascimento que atendo, sou uma parteira, é uma experiência única e realmente um milagre, mas este, mais do que os outros, ensinou-me uma lição valiosa.
Quando D'us instruiu Moshê para preparar o povo de Israel para receber a Torá no Monte Sinai, Ele disse: "Fala à casa de Yaacov, e diz aos Filhos de Israel" (Shemot 19:3). A "casa de Yaacov", explicam nossos Sábios, são as mulheres; "os Filhos de Israel", os homens. Em outras palavras, fale primeiro com as damas
É a mulher, não o homem, que dá à luz. É a mulher que mais se completa com a maternidade, e que sente mais agudamente a falta quando lhe é negado ser mãe. É a mulher, segundo a Lei da Torá, que exclusivamente determina a identidade espiritual do filho.
No decorrer dos tempos, nas comunidades judaicas as mulheres sempre adotaram a prece como sua própria mitsvá, rezando com integridade, atentas ao poder da prece que brota do coração com kavaná (intenção) descompromissada.
por Rabino Arieh Raichman - Beit Chabad de Manaus
Esses três milagres associados com as matriarcas são lições sobre três mitsvot que a mulher traz para o casamento. A mitsvá de (separar a) Chalá, o acendimento das velas de Shabat e a pureza familiar. Quando uma esposa cumpre essas três mitsvot, o marido é confortado.
Uma perspectiva sobre as mulheres no Judaísmo
“Então, às vezes vocês se sentam separados um do outro para fazerem coisas individuais,” disse eu. “E isso não tira sua identidade como casal, mas até destaca quem são os dois e o relacionamento que compartilham.”
Meu marido planejou todo o itinerário, preenchendo nosso tempo com atividades e passeios que foram uma mistura de diversão e relaxamento em locais pitorescos. Eu não pude acreditar nos pequenos detalhes em que ele pensara com antecedência, e toda sua pesquisa e coordenação para tornar nossa viagem tão espetacular como foi.
Eu acredito que o Judaísmo é Divino. Não precisa de atualização. Precisa que nós nos aprofundemos ainda mais no sentido de encontrar sua mensagem para o nosso tempo. Somos abençoados por viver numa geração na qual as mulheres recebem toda a oportunidade para descobrir por si mesmas aquilo que o Judaísmo tem a oferecer.
Lidando com a Fertilidade Secundária
Tratamento após tratamento, mês após mês, ano após ano meu útero continuava vazio. Nada acontecia, exceto que a dor em meu coração ficava mais forte. Eu me sentia como se todas ao meu redor estivessem grávidas e tendo bebês. Especialmente em minha comunidade é difícil não sentir que você é "a única" sem filhos.
Assim como uma mulher grávida deve ser meticulosa sobre as suas necessidades nutricionais, deve também cuidar da "nutrição espiritual". Comer somente alimentos casher tem um impacto extremamente positivo sobre o feto.
Sei que essa pergunta soa um tanto ridícula, mas como posso saber que encontrei o “homem certo”? Sempre tive esse sonho, de que um dia encontrarei o homem perfeito, que olharemos um para o outro e saberemos que somos almas gêmeas. E estou com medo que, enquanto espero pelo Sr. perfeito, posso estar perdendo o Sr. Quase Perfeito. Como saberei quando realmente tiver encontrado a pessoa certa para mim?
Separação da massa
Quando uma mulher judia separa "chalá" recitando a bênção apropriada, ela "eleva" espirituamente esta massa. Por meio deste ato, ela afirma sua fé completa em D’us. Pois tirando uma porção da massa, ela atesta que todo o pão – isto é, todo o sustento físico – no seu lar vem somente como um presente de D’us e que está pronta a compartilhá-lo com Ele, segundo a Sua Vontade.
Torá, como o óleo da lâmpada, é a fonte para os ideais do homem, dando a direção para uma vida significativa que o conecta ao seu Criador. As mitsvot acendem o potencial humano, mostrando-lhe, de uma forma concreta, como utilizar suas habilidades e talentos para um propósito Divino.
Sempre achei que fosse feliz... amava o trabalho, estava fazendo carreira na empresa, tinha um marido atencioso e bem-sucedido, e tinham acabado de comprar uma bela casa. Tudo estava perfeito. Ou assim eu pensava.
Tínhamos tudo – exceto um micvê. Devido a uma falha no meu ciclo menstrual, a ausência de um micvê apresentava um desafio. O que fazer? Para mim parecia óbvio. Meu marido ficou incrédulo – não, perplexo – quando disse a ele que eu transformaria o Mar do Caribe num micvê...
Por mais surpreendente que possa parecer, pesquisas sobre satisfação conjugal apóia a opinião da Torá – que a chave para um casamento duradouro e satisfatório é ajudar os casais a se separarem de maneira previsível. Por que deve ser assim?
Por fora, as mulheres da Torá parecem desempenhar apenas um papel coadjuvante num drama dominado pelos homens. Vista de dentro, emerge uma história de homens manipulados por mulheres potentes e criados com valores femininos.
A publicação americana Wellsprings anotou o depoimento de algumas mulheres que, afastadas do judaísmo, reencontraram à fonte investindo em estudos de Torá em suas vidas.
Mitsvot Especiais da Mulher
Entre as inúmeras Bênçãos Matinais, Brachot Hashachar, uma delas é pronunciada apenas pelos homens e gera muita polêmica e interpretações equivocadas… "…SheLo Assani ishá"… "que não me fez mulher". Pronto! Há mulheres que ficam ofendidas e até ultrajadas, e homens constrangidos com tal declaração.
Mitsvot Especiais da Mulher
Nossos Sábios nos ensinaram que as riquezas e o êxito material, a paz e a luz no lar estão diretamente ligadas com as mitsvot da mulher e o poder que ela tem de atrair bênçãos ao mundo e a sua família, em particular.
O que torna um lar judaico especial é que ele é conduzido em todos os detalhes segundo as diretrizes da Torá. Assim o lar se torna uma morada para a Presença Divina, sobre a qual D’us declara: "Façam para Mim um santuário, e eu habitarei entre eles" (Shemot 25:5).
Mais de 90% das gravidezes diagnosticadas terminam em nascimento completo, com corpo e alma. Mas, e os 10% que não o conseguem? Por que a vida física começou para terminar tão cedo?
Adam é o homem essencial, e Eva a mulher essencial. E assim é até hoje, as mulheres são seres de relacionamento, e os homens são seres sozinhos. Nem todas as mulheres são boas nos relacionamentos, e nem todos os homens são ermitões sem esperança. Porém, as mulhres são mais propensas a saber como se ligar a outros, e os homens são mais inclinados a manter as próprias emoções dentro de si mesmos.
“Onde você vai carregar um terceiro filho, na cabeça?” Bem, se eu precisar, vou.
Era como se nada tivesse acontecido. Era como se eu tivesse entrado numa falsa realidade que jamais tinha ocorrido.