Entre em contato

Gravidez & Nascimento

Gravidez & Nascimento

Uma Alma se Transforma em Vida

 E-mail
A única razão absoluta por que você realmente importa é porque foi escolhido por D'us para vir a esse mundo. A palavra “nascer é D'us dizendo que você importa” não são minhas. São tiradas da Torá, que declara a verdade mais importante que você jamais ouvirá.
É meu aniversário esta semana, mas sempre me senti um pouco estranha sobre celebrar. Meu nascimento foi uma espécie de acidente. Meus pais diziam que eu fui uma surpresa, que eles pensaram que não iriam ter mais filhos. E nasci seis semanas antes do tempo. Há algum significado em celebrar o dia no qual eu não deveria de fato ter nascido?
É importante notar que tudo aquilo que cerca um recém-nascido tem um efeito espiritual. A Torá nos ensina que aquilo que um bebê vê e ouve, mesmo durante seu primeiro dia de vida, terá uma influência sobre ele por muitos anos.
Examine os nomes dos grandes personagens da História Judaica, ou nomes de avós falecidos. Se algum desses nomes “saltar” para você, isso pode indicar que a criança tem uma centelha da alma daquela pessoa, ou talvez seja sua reencarnação, e vai imitar os traços positivos daquela pessoa.
"O nascimento marca o momento em que a alma entra no corpo" – disse o Rebe. "E como a alma está conectada diretamente a D’us, este é motivo suficiente para se alegrar."
É explicado no Tanya, cap. 1 de Shaar HaYichud VehaEmuná, que para todas as coisas criadas no universo, o nome hebraico pelo qual são chamadas constitui – depois de progressivos estágios de descida evolutiva – o discurso literal dos Dez Pronunciamentos pelos quais o mundo foi criado. Esta descida ocorre por meio de sucessivos intercâmbios e ajuntamentos de letras nas 231 permutações, até que finalmente elas se incorporam à pessoa, para dar-lhe vida.