Here's a great tip:
Digite seu endereço de e-mail e lhe enviaremos nossa revista semanal com conteúdo novo, interessante e reflexivo que irá enriquecer sua caixa de entrada e sua vida, semana após semana. E é gratuito.
Oh, and don't forget to like our facebook page too!
Entre em contato

D'us Não Precisa de Você

D'us Não Precisa de Você

 E-mail

Como mãe, há tantas coisas para me preocupar. Meu filho tem amigos? Está sofrendo bullying? Está lendo de acordo com seu nível escolar? Ele vai se sair bem?

Essas pequenas ansiedades podem realmente aumentar... Como processo esses pensamentos para que eles não me deixem ansiosa?

Meu pai costumava repetir a história de um homem pobre viajando no acostamento de uma estrada, carregando um pacote com a metade da sua altura e o dobro do seu peso. Quando um homem rico passa numa carruagem e lhe oferece uma carona, ele com gratidão aceita. Para surpresa do homem rico, ele nota que embora o homem pobre esteja sentado na sua carruagem, ele ainda está carregando o pacote pesado!

O homem pobre explica:

“Já é trabalho suficiente você me dar uma carona, mas eu deveria pedir também que carregue o peso do meu pacote para mim?”

O homem rico responde:

“O fato de você estar na minha carruagem significa que estou carregando tanto você quanto o seu pacote – que energia desnecessária você está desperdiçando!”

Recentemente li uma carta do Rebe abordando o mesmo ponto:

Você é, sem dúvida, um crente. Portanto, o primeiro ponto da crença é que D'us governa o mundo. E se Ele é capaz de dirigir bilhões de pessoas, então seus próprios problemas certamente verão o cumprimento do versículo: “Eu fiz você e Eu te carregarei; Eu sustentarei você e te livrarei”… D'us tem realmente necessidade de você se preocupar sobre como Ele vai gerir seus assuntos e resolver seus problemas? Ou Ele conseguirá encontrar soluções mesmo sem que você se preocupe?

E esta é realmente a única solução para a minha ansiedade – saber que minha preocupação não vai ajudar no resultado.

Pensamento do dia:

Hoje, vou deixar minha carga de lado e desfrutar o passeio.

(Adaptado de Igrot Kodesh, vol. 4, pág. 255)

Por Sara Blau
© Direitos Autorais, todos os direitos reservados. Se você gostou desse artigo, encorajamos você a distribuí-lo, desde que concorde com a política de copyright de Chabad.org.
 E-mail
Participe da discussão
Classificar por:
1 Comentário
1000 Caracteres restantes
Dora Fonseca de Moraes Moreira Campinas, SP/Brasil 9 Maio, 2016

Era tudo que precisa ler hoje...Se minha Fe e verdadeira, não posso ter preocupação...aceitar a carga que temos com a certeza de que possamos carregar e que quando não for possível, Deus encaminhará alguém que possa nos ajudar... Reply