Entre em contato

Sou Perfeccionista e Estou Sofrendo Por isso!

Sou Perfeccionista e Estou Sofrendo Por isso!

 E-mail

Cara Rachel,

Sou perfeccionista. Quero que as coisas sejam do jeito certo, e fico frustrada e infeliz quando não são. Tento levar cada detalhe em consideração quando faço planos, mas sempre existe algo que não dá certo. D'us não quer que nos esforcemos pela perfeição? Por que estou sempre infeliz?

Totalmente Infeliz

Resposta:

Cara Infeliz,

Não existe nada perfeito. Entendo como é frustrante para você que a realidade não esteja atingindo suas expectativas. Aqui estão algumas coisas a considerar: Você não pode ser perfeita.

Somente D'us é perfeito. Ele não espera que você seja perfeita; Ele pede para que você se esforce para atingir seu potencial individual – que é tremendo, porém muito menos que perfeito. Como é dito em Provérbios: “Um tsadic (individuo justo) cai sete vezes e se levanta”1 – ser humano significa cair e levantar. Na verdade, o levantar depende da queda. Se somos imperfeitos, nossos relacionamentos, férias, festas e empreendimentos serão todos falhos. O Midrash diz: “Um homem não morre com [sequer] metade dos seus desejos cumpridos.”2 Não deveríamos esperar que tudo dê cem por cento certo como queremos – porque na verdade não há como atingir a perfeição neste mundo.”

Assim é a vida.

A Perfeição é Entediante

Você consegue imaginar como uma vida sem desafio e esforço seria entediante? Todas as histórias inspiradoras são baseadas em pessoas que superaram imperfeições em suas vidas e apesar delas atingiram grandes realizações. Ser perfeito nem sequer é atrativo. Certa vez vi um livro que mostrava fotos de rostos de celebridades perto das versões com Fotoshop de suas faces se eles tivessem sido perfeitamente simétricos. Deixe-me dizer-lhe, seríamos bem sem graça de olhar se nossas faces fossem perfeitamente simétricas.

A Perfeição Nem Sempre É Algo Bom

Temos duas inclinações – a boa (yetzer tov) e a má (yetser hará). Você poderia pensar que esforçar-se pela perfeição é o ímpeto da boa inclinação, mas isso não é verdade. É a má inclinação que insiste para que você, sua vida ou suas circunstâncias não são suficientemente boas, e isso rouba você de várias coisas importantes.

Humildade

É arrogância pensarmos que podemos ser perfeitos, ou que temos total controle de nossas vidas. Podemos fazer o melhor para levar cada contingência em consideração, mas o resultado final está nas mãos de D'us, e aceitar isso é a chave para a humildade. Pensar que sabemos mais que D'us é ser presunçoso. E as pessoas não gostam de viciados em controle.

Gratidão e júbilo

Se você fica chateado porque alguém esqueceu de colocar os confeitos, está perdendo a alegria do bolo de chocolate. Isso porque nosso cérebro não pode concentrar-se em duas emoções de uma vez. Se levamos uma vida de gratidão, nossas vidas são plenas; se levamos uma vida de perfeccionismo, nossas vidas são vazias porque nosso foco está sempre naquilo que não é perfeito. Você pode escolher ser resignado ou pode escolher ser feliz. Cabe a você.

Realização

D'us fez um mundo imperfeito, e nossa missão é aperfeiçoá-lo. As mitsvot de brit milá, levar chalá e fazer kidush são maneiras de completar o mundo físico e acrescentar uma dimensão espiritual. Nosso desafio é enfrentar as imperfeições do mundo e tentar superá-las. Mas nem nós nem o mundo jamais atingirão a perfeição até que Mashiach venha. Enquanto isso, devemos separar o trigo do joio e levar a vida mais plena e alegre que pudermos apesar de, ou até por causa, dessas imperfeições em nossa vida.

Servir a D'us Imperfeitamente

No Judaísmo uma mitsvá ainda é valiosa mesmo que não seja perfeita. É claro, queremos cumprir a mitsvá da melhor maneira possível, mas às vezes a falta de conhecimento, problemas financeiros ou sociais, e nossa própria personalidade tornam difícil servir a D'us perfeitamente. Muitas pessoas não cumprirão uma mitsvá até que possam fazê-la perfeitamente, portanto nunca conseguem fazê-la.

D'us não pede perfeição. “O que D'us exige de você é fazer justiça, amar a bondade e caminhar humildemente com seu D'us.”3 A perfeição não é mencionada. Faça da melhor maneira que puder, e tente maximizar o potencial inerente em toda situação, mas não se deixe apanhar por ideais impossíveis. Porque quando você se estressa pelas imperfeições e estraga tudo aquilo que já tem.

Portanto seja menos exigente consigo mesma e com os outros, siga o fluxo e entregue-se à felicidade. E pense nisso: essa resposta também não é perfeita, mas se ajudou de alguma forma, é valiosa. E assim é toda experiência.

Desejando a você uma vida de imperfeição perfeitamente feliz,

Rachel

NOTAS
1.
Provérbios 24:16
2.
Cohelet Rabá 1:34
3.
Micá 6:8.
© Direitos Autorais, todos os direitos reservados. Se você gostou desse artigo, encorajamos você a distribuí-lo, desde que concorde com a política de copyright de Chabad.org.
 E-mail
Inicie um Debate
1000 Caracteres restantes