Entre em contato

Catalisador do Crescimento

Catalisador do Crescimento

 E-mail

Mulheres acumulam muitas jornadas em seu dia. Tarefas que devem ser feitas, listas que devem ser zeradas, tentativas frustadas a svezes de tentar balançar com competência e muita criativadade os afazeres domésticos com outras atividades.

Há fases na vida que a transformação de casal para família com o nascimento dos filhos aumenta ainda mais todas as responsabilidades de sua agenda e é aí que surge o stress, o esgotamento, a auto cobrança, a sensação de culpa, e tantos outros sentimentos que apenas irão abalar a serenidade, seu equilíbrio e bem estar, além de sua auto estima.

Mulheres possuem no entanto uma força e capacidade incríveis de transformação. Elas tem o poder de transformar fracassos num catalisador para o crescimento. Podem quebrar a concha de desânimo do tipo “não vou conseguir”, “estou exausta”, “Vou entregar os pontos”… para “eu sou capaz de atingir minhas metas” e isto é dar um salto gigantesco. Se você ainda não chegou neste ponto, pode repensar nas estratégias que podem lhe levar, todos os dias, a dar um novo olhar sobre a sua vida e como a está conduzindo.

Quando seu bebezinho recém-nascido chora e depende totalmente de você… quando na cozinha há uma pilha de pratos e travessas esperando para serem ensaboados… quando a campainha toca ao mesmo tempo com suas compras ou sua sogra liga -não para lhe pedir uma receita, claro que não – mas para lhe passer “aquela” receita predileta de seu marido… Pare e pense como você tem sorte e o quanto tem a agradecer!

Sua rotina pode ser transformada desde que você não tema o fracasso e acredite no sucesso. Agradeça, ao invés de se lamentar. Este é o catalisador do crescimento.

Seguem apenas 10 razões, entre milhares, pelas quais devemos sentir gratidão a D’us:

1 –Ao sermos acordadadas cedo… temos crianças para amar!
2 – Há muitas tarefas de casa… temos um lugar seguro para morar!
3 – Uma pilha de roupas para lavar… temos roupas para vestir!
4 – Aquela montanha de louça acumulada… temos o que comer!
5 – Mil migalhas em baixo da mesa… compartilhamos refeições em família!
6 – Lista de compras a fazer… temos dinheiro para sustento!
7 – Levar, buscar, correr… que bom participar do rumo de nossos filhos!
8 – Bagunça, brigas, choro…possuímos seres preciosos em nossa vida!
9 – Perguntas intermináveis sobre liçnoes de casa… que maravilhoso compartilhar o desenvolvimento das crianças!
10 – Ao cair exausta na cama… Ainda estou viva! Graças a D’us!

Você será feliz e a vida bem mais fácil.

Tente, funciona!

© Direitos Autorais, todos os direitos reservados. Se você gostou desse artigo, encorajamos você a distribuí-lo, desde que concorde com a política de copyright de Chabad.org.
 E-mail
Inicie um Debate
1000 Caracteres restantes