Entre em contato

70º Aniversário do Levante de Treblinka

70º Aniversário do Levante de Treblinka

Cerimônia Apresenta o Último Sobrevivente - Samuel Willenberg

 E-mail

Publicado em Algemeiner
Em 6 de agosto de 2013 – 13h47

No local do campo de concentração de Treblinka, na Polônia, houve uma cerimônia celebrando 70 anos desde a revolta dos prisioneiros judeus no campo, que se tornou conhecida como “O Levante de Treblinka”.

A cerimônia apresentou Samuel Willenberg, o último sobrevivente do levante, e o Ministro da Educação de Israel, Avi Worzman. Numa entrevista ao The Algemeiner, Wortzman disse que ficou especialmente comovido pela oportunidade de conhecer Willenberg. “Como Ministro da Educação do Estado de Israel, foi uma honra estar em Treblinka com o Sr. Willenberg, o último sobrevivente do levante a levar sua mensagem de esperança e força às futuras gerações aqui em Israel,” disse ele. “O Holocausto é uma parte enorme de nossa história coletiva como povo judeu e os filhos de Israel continuarão a aprender sobre isso e visitar a Polônia para tentar entender o que aconteceu ali e entender a importância de termos nosso próprio país e governar nosso próprio destino.”

Willenberg fez parte do pequeno grupo de prisioneiros que, com uma chave copiada, abriram o armário dos nazistas no campo de concentração, distribuíram as armas e ataram fogo nas instalações do campo. Embora 200 dos 300 que fugiram no levante tenham sido capturados e mortos, Willenberg conseguiu fugir, chegando à Polônia, e então, em 1950, mudando-se para Israel.

A cerimônia foi organizada pelo Instituto Histórico Judaico da Polônia e recebeu centenas de convidados, incluindo uma delegação israelense liderada por Jonny Daniels, um conselheiro de comunicações para vários membros do Knesset – Parlamento.

© Direitos Autorais, todos os direitos reservados. Se você gostou desse artigo, encorajamos você a distribuí-lo, desde que concorde com a política de copyright de Chabad.org.
 E-mail
Inicie um Debate
1000 Caracteres restantes